São Luís do Maranhão

São Luís do Maranhão 2018-02-22T11:53:33+00:00

O Maranhão em Nova York

A cultura, a história e as belezas naturais do estado foram retratadas pelo fotógrafo Meireles Jr.

Em maio passado, o Maranhão ganhou destaque na capital do mundo por meio das lentes do fotógrafo Meireles Junior. Uma exposição fotográfica, realizada na galeria Saphira & Ventura, levou a Nova York cultura, história e belezas naturais do estado.

As fotos exibidas fazem parte de duas prestigiadas obras do fotógrafo: “Entre o Céu e a Terra (audiovisual) – Maranhão Patrimônio de Imagens” (2ª edição) e “Sobrenatural: Impressões sobre os Lençóis Maranhenses e o Grand Canyon” (2016).

A primeira apresenta o estado e suas tradições num formato interativo e digital. Através do aplicativo “Zappar”, que pode ser baixado em smartphones ou tablets, o leitor consegue transformar as imagens do livro em vídeos com trilha sonora própria. É uma viagem virtual às belezas do estado.

A segunda traça um comparativo entre os Lençóis Maranhenses e o Grand Canyon, nos Estados Unidos. As fotos mostram que embora tão distantes, esses dois paraísos naturais assemelham-se pela grandiosidade e encantos. O livro vem acompanhado de um DVD, que retrata os bastidores da elaboração da obra.

“Essas fotos deslumbrantes me fazem lembrar o quanto somos privilegiados por termos nascidos num país tão belo e com uma cultura tão variada e rica, diz Gabriela Moreno, jornalista brasileira radicada nos Estados Unidos e uma das visitantes da exibição.

“Saio daqui inspirada para conhecer o Maranhão e os Lençóis na minha próxima passagem pelo Brasil”, adiciona.

Outro trabalho fascinante é a publicação onde o autor mostra semelhanças entre cidades da Europa (França e Holanda) e São Luís, refazendo os paços dos colonizadores e principais influenciadores de nossa arquitetura única.

A exposição ficou em cartaz por três dias e ganhou a visita de centenas de brasileiros e americanos. Na recepção de abertura, Meireles Jr. ganhou a companhia da cantora também maranhense Flávia Bittencourt, que realizou um pocket show para lançar internacionalmente o seu mais recente álbum, “Leve”.

O sucesso do evento foi destaque nos jornais Brazilian Times, The Brasilians e Brazilian Voice e no canal internacional da TV Globo, que exibiu uma entrevista exclusiva com Meireles Jr. no programa “Globo Notícia Américas”, transmitido para mais de 130 países.

O interesse do público nova iorquino foi tanto, que os organizadores decidiram levar a exposição para outros continentes. No início de junho, o trabalho de Meireles Jr. foi convidado a participar da Art Busan- conceituada feira internacional de arte realizada na Coreia do Sul.

“Expor em Nova York é um sonho para qualquer artista. Eu obtive um resultado maior do que o meu sonho”, afirma Meireles Jr. Sair da minha cidade e ir para um lugar que ninguém me conhece e ser reconhecido pelo meu trabalho, é muito gratificante.

Eu recebi o carinho de muitas pessoas que se identificaram de alguma forma com as imagens mostradas. É um orgulho poder mostrar um pouco do nosso lugar para o mundo”, completa o fotógrafo.

Ambos os livros exibidos são frutos de projetos realizados com o patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura do Governo do Estado do Maranhão, Potiguar e Fribal.

By Karine Porcel